Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
VEJA Gente Notícias, bastidores e conversas de quem é assunto na cultura, na política, nos negócios e em outras rodas

Kim Kardashian acaba de ganhar mais uma fonte de renda

Um tribunal da França ordenou que sejam revertidos para ela os direitos autorais do livro 'Eu Sequestrei Kim Kardashian'

Por Eduardo F. Filho, Marina Lang Atualizado em 19 fev 2021, 19h16 - Publicado em 19 fev 2021, 06h00

Precisar, não precisa, mas Kim Kardashian, 40 anos, a milionária influenciadora de todas as influenciadoras, acaba de ganhar mais uma fonte de renda. Um tribunal da França ordenou que sejam revertidos para ela os direitos autorais do livro Eu Sequestrei Kim Kardashian, lançado no início do mês por Yunice Abbas. Ex-guarda noturno, Abbas é participante confesso do assalto em Paris, há quatro anos, em que Kim foi amarrada e trancada no banheiro enquanto levavam mais de 10 milhões de dólares em joias e objetos de seu apartamento. A polícia prendeu doze homens de 60 a 72 anos — apelidados de “vovôs ladrões” —, entre eles Abbas, 67, que passou quase dois anos preso e se define como um “vigarista de meio expediente”. Uma das poucas peças recuperadas foi uma cruz de diamantes que ele deixou cair ao fugir de bicicleta. O bando deve ir a julgamento este ano.

Publicado em VEJA de 24 de fevereiro de 2021, edição nº 2726

VEJA RECOMENDA | Conheça a lista dos livros mais vendidos da revista e nossas indicações especiais para você.

Publicidade