Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

LEIAM ABAIXO

— Com uma única fala, presidente do PT ameaça Dilma e tenta ameaçar a oposição. Os petistas que se entendam, ora!; — Minha coluna na Folha: “O samba-da-presidenta-doida”; — Câmara reage, e com razão, à absurda decisão do STF de proibir doações de empresas a campanhas eleitorais; — “A Venezuela despertou”, diz deputada venezuelana em […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 04h06 - Publicado em 4 abr 2014, 07h05

Com uma única fala, presidente do PT ameaça Dilma e tenta ameaçar a oposição. Os petistas que se entendam, ora!;
Minha coluna na Folha: “O samba-da-presidenta-doida”;
Câmara reage, e com razão, à absurda decisão do STF de proibir doações de empresas a campanhas eleitorais;
“A Venezuela despertou”, diz deputada venezuelana em São Paulo;
Documentos provam que cláusulas polêmicas não estavam em resumo executivo e que Petrobras já havia proposto, por conta própria, pagar mais de US$ 1 bilhão por refinaria de Pasadena;
PT transforma a CPI da Petrobras numa pantomima, que viola o regime democrático;
No ano da satanização dos militares, o poder civil foi bater à porta dos quartéis;
Forças Armadas levarão 2.500 homens para ocupar Complexo da Maré no sábado;
Lambança na Petrobras: para não perder o foco;
Petrobras: advogado de Cerveró muda versão;
PSOL pede abertura de investigação contra André Vargas;
— MAIS UM INQUÉRITO – PF apura agora se Petrobras vendeu refinaria na Argentina para amigão de Cristina Kirchner por menos do que valia!;
— Suprema Corte faz o contrário do STF no Brasil e acaba com restrições a doadores de campanha. Adivinhem que país vai se dar melhor!;
— André Vargas, o petista do jatinho, em mais um dia patético;
— Dilma muda a data de música de Tom Jobim e transforma lirismo em protesto. É o padrão factual da “Comissão da Verdade”;

— Financiamento de campanha – Resultado desastroso: STF garante no tapetão o que PT tentava arrancar do Parlamento no grito;
— Entre os invasores da aula na São Francisco, um discípulo de Marighella, o homem que dizia que “ser violento ou terrorista enobrece”

Publicidade