Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Juiz investigado por suspeição indica comissão de magistrados

Novo capítulo da novela judicial que se transformou a falência da Usina Laginha Agroindustrial

Por Mariana Muniz Atualizado em 3 Maio 2021, 12h08 - Publicado em 3 Maio 2021, 18h30

O presidente do Tribunal de Justiça de Alagoas, Klever Rego Loureiro, investigado no CNJ por supostas irregularidades na condução da falência da Usina de Laginha, veja só, acaba de indicar três juízes para julgar o caso — um dos maiores processos falimentares do país com mais de 19 mil credores e passivo de R$ 2 bilhões. 

O problema é que as indicações só poderiam ser feitas pela corregedoria da Corte alagoana.  A usina pertence ao ex-senador, ex-deputado federal e empresário João Lyra. 

Publicidade