Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Paraná Por VEJA Correspondentes Política, negócios, urbanismo e outros temas e personagens paranaenses. Por Guilherme Voitch, de Curitiba

Candidatura do MDB no Paraná vai dar palanque a Meirelles e Ciro

Candidato ao governo, o deputado federal João Arruda deverá trabalhar pela candidatura dos dois presidenciáveis

Por Guilherme Voitch Atualizado em 7 ago 2018, 14h49 - Publicado em 7 ago 2018, 14h48

A desistência do ex-senador Osmar Dias (PDT) fez o MDB se mexer e lançar na última hora o deputado federal João Arruda ao governo do Paraná. A candidatura de Arruda deve garantir palanque a dois presidenciáveis no estado: Henrique Meirelles, do MDB, e Ciro Gomes, do aliado PDT.

Osmar Dias anunciou na sexta-feira que estava fora da disputa pelo governo do Paraná. Ele aparecia bem colocado nas pesquisas eleitorais, com percentuais entre 25% e 30% das intenções de voto, atrás apenas do deputado estadual Ratinho Júnior (PSD).

Apesar disso, Osmar vinha encontrando dificuldades em formar uma chapa competitiva. O pedetista chegou a negociar com o MDB de Roberto Requião e a coligação esteve bem próxima de um acerto. Nesta semana, porém, Osmar rejeitou o partido, com a justificativa de que não poderia trazer para sua campanha o “petismo” de Requião, que tem se empenhado em defender o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Continua após a publicidade

Publicidade