Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Secretária de Doria, Soninha defende uso da maconha contra o crack

O tema legalização das drogas voltou a pautar a vida da vereadora Soninha Francine (PPS), confirmada hoje como nova secretaria de Desenvolvimento Social da gestão João Doria (PSDB). Nesta quinta-feira, Soninha disse ser favorável ao uso de canabinoide, substância encontrada na maconha, para ajudar usuários de crack a largar a droga durante o período de abstinência. “Dentro de […]

Soninha

O tema legalização das drogas voltou a pautar a vida da vereadora Soninha Francine (PPS), confirmada hoje como nova secretaria de Desenvolvimento Social da gestão João Doria (PSDB). Nesta quinta-feira, Soninha disse ser favorável ao uso de canabinoide, substância encontrada na maconha, para ajudar usuários de crack a largar a droga durante o período de abstinência.

“Dentro de um projeto de redução de danos, o uso de canabinoide como forma de reduzir o sofrimento e os efeitos da abstinência para quem usa crack. Tem pesquisas científicas em universidades federais que indicam isso”, disse a futura secretária, que será responsável por gerenciar programas de auxílio a usuários de drogas, como o Braços Abertos, que vigora na Cracolândia. “Não é fumar maconha para largar o crack, mas cada vez mais se admite o uso, a experiência como modo de atenuar o sofrimento do usuário. Alguém é contra o uso da morfina para o tratamento do câncer?”, questionou Soninha, acrescentando que vai discutir o assunto com o novo secretário de Saúde, Wilson Pollara.

Soninha já teve problemas no passado por declarar publicamente que é favorável à descriminalização das drogas. Em 2001, quando era apresentadora de um programa na TV Cultura, foi demitida do cargo após dizer em uma entrevista que fumava maconha. Na eleição de 2012, quando se candidatou à prefeitura de São Paulo, defendeu que a maconha fosse vendida “como cerveja nos bares” para acabar com o monopólio das facções criminosas. Ela ficou em quinto lugar na disputa.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    Po

    Poxa…. até que enfim um político inteligente.

    Curtir

  2. Comentado por:

    NANETTO PIPETTA

    Maquiavel!, maquiavelicamente falando, sou do tipo que se opõe a qualquer tipo de droga. Tenho apreço pelo ex-presidente FHC, mas não concordo com a tese dele sobre a descriminalização da maconha. É bem simples. A maconha é a porta de entrada para outras drogas e para os pequenos crimes. Ela não te dá lucidez. Sendo assim, com a possível liberação dessa praga, haveremos de ter uma Nação, principalmente da juventude, o caminho para o caos. Se já estamos nele, imagina depois. O tempo nos dirá.

    Curtir

  3. Comentado por:

    Bruno Sampaio

    Vou além: para que serve uma “secretaria de desenvolvimento social”, além do nome pomposo? Desenvolvimento social se dá com o Estado SAINDO DA FRENTE E deixando de EXTORQUIR quem gera EMPREGO e RIQUEZA, única maneira sustentável de desenvolver uma sociedade. E para isso não precisa pagar alto salário a uma apresentadora da MTV com ideias insanas. Vamos ampliar a cracolândia! Vamos melhorar as instalações dos hotéis para os mendigos viciados! Aperta um para eles se sentirem melhor enquanto assaltam alguém pra conseguir grana para a próxima pedra de crack. Ou melhor, criemos a CrackSãoPaulo, empresa que produz a droga a baixo custo com distribuição ‘gratuita”. É só aumentar o IPTU em uns mil por cento. Show de bola!

    Curtir

  4. Comentado por:

    Baal

    Dória nem tomou posse e já arrumou uma encrenca. O programa de Soninha foi derrotado nessa eleição. Ou não?
    Solução? Ela pede o boné dizendo que vai fazer um curso qualquer na Califórnia, etc., etc. Fica melhor do que demiti-la daqui a alguns meses.

    Curtir

  5. Comentado por:

    Lairson

    Parabéns Dória. Soninha é um excelente nome para o cargo e tem ideias e propostas inovadoras para reformular e aperfeiçoar os programas existentes e criar novos. Aos críticos e céticos, peço que aguardem o resultado.
    O que ela defende NÃO É o uso da maconha contra o crack e sim o estudo de canabinóides com a finalidade de cortar os efeitos da abstinência do crack. Estamos bem distantes dessa realidade mas é importante pensarmos em formas alternativas de combate a uma droga tão devastadora. Aos que dizem que o projeto dela foi derrotado nesta eleição, relembro que ela foi eleita vereadora em 2016 com mais de 40 mil votos.

    Curtir