Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Quem estupra contas bancárias não é um candidato. É uma ameaça

“Os tucanos que governam São Paulo faz 15 anos não fizeram nada de importante para o  povo”, repetiu Lula no fim de semana. O povo discorda, avisam os institutos de pesquisa. A grande maioria ficou satisfeita com o que Mário Covas e Geraldo Alckmin fizeram, e aprova o que José Serra anda fazendo. Muitos até […]

“Os tucanos que governam São Paulo faz 15 anos não fizeram nada de importante para o  povo”, repetiu Lula no fim de semana. O povo discorda, avisam os institutos de pesquisa. A grande maioria ficou satisfeita com o que Mário Covas e Geraldo Alckmin fizeram, e aprova o que José Serra anda fazendo. Muitos até acham que, depois de eleitos, não precisavam ter feito mais nada. O que impediram que outros fizessem vale um programa de governo inteiro.

Mário Covas, por exemplo, livrou São Paulo de José Dirceu em 1994 e, quatro anos mais tarde, de Marta Suplicy (além de Paulo Maluf). Em 2002, Geraldo Alckmin evitou que José Genoíno se homiziasse no Palácio dos Bandeirantes. Em 2006, José Serra devolveu Aloízio Mercadante à rotina de rendições no Senado. Em 14 anos, cinco candidatos de alto risco foram neutralizados. É uma obra e tanto.

Como Ciro Gomes preferiu perder a eleição presidencial, Lula só espera o julgamento pelo STF do caso da quebra criminosa do sigilo bancário do caseiro Francenildo Costa para ordenar ao PT que oficialize a candidatura de Antonio Palocci a governador. Formalizada a absolvição, marcada para quinta-feira, caberá a um estuprador de contas da Caixa Econômica Federal colocar São Paulo em perigo. Desde 1994 tem sido assim: quando a eleição estadual se aproxima, o PT não lança candidatos. Lança ameaças.

Se qualquer das ameaças fosse consumada, a galeria dos governadores teria de incorporar, pela primeira vez, dois retratos do mesmo personagem. Marta Suplicy sorriria para a posteridade no dia da posse e, muitos anos mais nova, no fim do mandato. Os demais teriam um retrato de frente e outro de perfil.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    Mario

    Morais Neto
    Você não se envergonha (não mesmo, lá bem no fundo?) do numero de erros de português no seu pobre texto?
    Acho que a leitura de livros lhe dá sono.

    Curtir

  2. Comentado por:

    Paulo

    Aécio Neves acaba de comprar um apto na Avenida Atlântica por 12 MILHÕES!!!
    Ninguém quer saber de onde veio tanto dinheiro para um rapazinho que nunca trabalhou na vida, não teve herança milionária…
    A grande imprensa acha normal. Se fosse Lula, Zé Dirceu o mundo viria abaixo.

    Curtir

  3. Comentado por:

    Morais Netto

    Amigo Mario nao tenho a menor vergonha de admitir meus erros de portugues mas saiba que tenho muito orgulho do que sou .O fato de nao ter a cultura que o nobre amigo deve ter nao me tira o direito de expressar o que penso.Agradeco ao colunista Augusto Nunes por ter aceito meu comentario mesmo discordando dele. Democracia e isso , respeito pela opiniao dos outros seja ele intelectual ou nao. Muito obrigado.

    Curtir

  4. Comentado por:

    Didi

    Ontem, no Jornal da Globo, ouvi Arnaldo Jabor perguntando “onde estavam os intelectuais, os artistas, os cara-pintadas, enfim todos aqueles que costumavam protestar” antes do advento petista (advento petista não foi usado pelo Jabor). Fiquei pensando na pergunta e, em poucos segundos, achei a resposta. A maioria deles, claro, correndo o risco infame de generalizar, está enfiada em cargos (famosas CCs), em gordos patrocínios da Petrobras, Eletrobras e mais umas dezenas de “bras” espalhadas pelo País. Dinheiro cala a boca de qualquer convicto. Convicção exacerbada é facilmente corrompida. Isso me faz lembrar da resposta grande atriz Dina Sfat, em entrevista a alunos da minha universidade (jornalismo). Ao ser perguntada por que não havia aceitado o convite para ser ministra da Cultura, ela respondeu sem vacilo algum : ” se você quer calar a boca de alguém, convide-o para um cargo público” eu quero continuar livre”. Além de maravilhosa atriz, não se deixou enganar pelo mosca azul do poder. Vale lembrar que Fernanda Montenegro tb não aceitou o cargo.
    Infelizmente, o ESTADO virou aparelho político do Lula. Alguém poderia perguntar por onde anda o ideologia petista? Respondo: Calou-se, agora é apenas SILÊNCIO!

    Curtir

  5. Comentado por:

    Andrea

    E viva São Paulo !!!
    Fora petistas…

    Curtir

  6. Comentado por:

    aluizio

    Augusto
    Por favor coloque um post hoje sobre o julgamento do Palocci no STF,que será a cerimônia dantesca da celebração da falta de ética e de verdade,pela Justiça e que prestará um desserviço aos cidadãos de bem e ao país ,por muitos anos influenciando negativamente a todos nós e nossos descendentes.
    Com prazer, caro Aluízio. abraços, Augusto

    Curtir