Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Le Monde noticia com destaque ato de protesto escondido pelos jornais brasileiros

Os leitores nativos logo terão de aprender francês para saber o que acontece no Brasil, sugere a página do Le Monde acima reproduzida. Como se vê, o jornal editado em Paris noticiou com destaque um fato ocorrido em São Paulo que os jornalões brasileiros esconderam em espaços mesquinhos e textos tão verazes quanto um discurso […]

Le Monde

Os leitores nativos logo terão de aprender francês para saber o que acontece no Brasil, sugere a página do Le Monde acima reproduzida. Como se vê, o jornal editado em Paris noticiou com destaque um fato ocorrido em São Paulo que os jornalões brasileiros esconderam em espaços mesquinhos e textos tão verazes quanto um discurso da inventora do dilmês.

A turma que maltrata a verdade e o português enxergou uma “passeata da discórdia” e menos de mil  manifestantes berrando slogans dissonantes, frequentemente antagônicos. Le Monde viu o que efetivamente aconteceu: um ato de protesto promovido por milhares de cidadãos indignados com o governo corrupto de Dilma Rousseff.

“O jornalismo é o exercício diário da inteligência e a prática cotidiana do caráter”, constatou Cláudio Abramo. O tratamento conferido ao mesmíssimo fato por jornais da França e do Brasil grita que inteligência e caráter são artigos em falta por aqui.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

  1. Comentado por:

    Alberto Mota

    Infelizmente há pouquíssimos meios de comunicação sérios no Brasil, Veja é um exemplo. Num outro extremo temos a Rede Globo que cresceu com a ditadura militar de 64 e até vive das benesses do poder. Sua programação é totalmente alienante. Mas a máscara aos poucos tá caindo.

    Curtir

  2. Comentado por:

    Sergio Rocha

    “Quando a imprensa não fala, o povo é que não fala. Não se cala a imprensa, Cala-se o povo!” William Blake

    Curtir

  3. Comentado por:

    Francisco Gueiros

    A Revista Veja tenho a mesma como a “resistência” e o aparato desse governo com a “gestapo”, comparativamente com a segunda guerra mundial, onde a imprensa em geral se submete a censura e a forma de continuar recebendo as beneces do governo em troca do silêncio. Na Argentina era o boicote pela falta de fornecimento de papel. Na Venezuela era a estatização. No Brasil é a pressão da publicidade estatal.
    A Editora Abril tem se posicionado contra o desgoverno e a corrupção enquanto as demais esperam pra ver o que acontece para tomar uma posição que lhes seja favorável.
    Parabéns e continue a Veja com exemplo de independência.
    Muito bem exposta matéria do Le Mond sobre o protestos.

    Curtir

  4. Comentado por:

    Ana

    A imprensa está toda vendida o que interessa é a grana no bolso. No Brasil nesta última década, jorraram os ratos que estavam no esgoto, agora para tirá-los vai ser difícil.

    Curtir

  5. Comentado por:

    santos

    estamos importando 2.000 jornalistas franceses…vamos melhorar a saude da imprensa, no brasil temos poucos jornalistas sérios, veja é um exemplo…

    Curtir