Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

O que muda no MEC com a chegada do ministro Abraham Weintraub

Novo chefe foi indicado pelo presidente nesta segunda-feira

Por Da Redação - 8 abr 2019, 20h15
Com a queda do ex-ministro Vélez Rodríguez, um novo nome surge para tentar mudar os rumos do Ministério da Educação. O presidente Jair Bolsonaro indicou, nesta segunda-feira, o professor Abraham Weintraub para assumir a pasta.
De acordo com o repórter de Veja Guilherme Venaglia, Weintraub não era o nome mais cotado no Congresso Nacional, mas traz um “outro aspecto” para o MEC por ter uma capacidade técnica e de gestão maior do que a do ex-ministro. Sobre o impacto de uma nova demissão em menos de 100 dias de governo, o editor de Veja José Benedito acredita que Bolsonaro necessita de uma agenda positiva: “O governo precisa ter o que mostrar e não pode ser factoide. Os principais ministérios, de Educação, Segurança, Saúde, Economia não tem nada. Você espreme e o governo Bolsonaro não dá uma lauda de registros positivos”, afirmou o jornalista.
Publicidade