Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Google apresenta resultados de pesquisa enquanto a pessoa digita

O Google anunciou nesta quarta-feira o Instant, uma novidade que faz com que os resultados de busca sejam exibidos a cada letra digitada.

A novidade já está funcionando no site em inglês, acessível em qualquer lugar do mundo. Usuários do Google Brasil e de outras versões ainda terão que esperar alguns meses para que a novidade se alastre.

Ao digitar uma letra, o Google já tenta adivinhar a busca que pretende fazer e apresenta o resultado da primeira pesquisa. Se digitar uma segunda letra, o buscador reformula a sugestão de busca e exibe os novos resultados. Ao preencher o campo de pesquisa com as letras “Sã”, o Google chuta que está procurando por São Paulo e apresenta os links com informações da cidade.

Antes desse novo recurso, uma pessoa leva, em média, mais de nove segundos para digitar um termo de busca. O Google afirma que seu novo recurso pode poupar entre dois e cinco segundos. Se todos no mundo usassem o Google Instant, seriam economizados 3,5 bilhões de segundos por dia, no total.

Além de chegar aos resultados mais rapidamente – pois não é preciso terminar de digitar ou clicar no botão da pesquisa – a outra grande vantagem está em poder ver os resultados enquanto digita, recebendo ajuda para formular a busca. Os termos de pesquisa podem ser adaptados, sem ter que concluir a pesquisa e começar novamente, até que os resultados exibidos sejam exatamente os links desejados.

Por isso, Marissa Mayer, vice-presidente de produtos de busca e experiência do usuário, chamou o novo recurso de “pesquisa na velocidade do pensamento” enquanto apresentava o Google Instant, acompanhada de alguns dos programadores envolvidos no projeto.

Os desenvolvedores especulam que a busca instantânea facilitará muito a pesquisa em smartphones, uma vez que não é preciso terminar de digitar os termos, atividade demorada nos teclados de celular.