Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Testes positivos para Covid passam de 8,5% para 23,6% em um mês

Índice havia caído para 3,6% no fim de março, aumentou para 8,5% no mês passado e teve novo salto, refletindo a alta de infecções em curso no país

Por Paula Felix Atualizado em 20 Maio 2022, 16h30 - Publicado em 20 Maio 2022, 13h46

Em apenas um mês, os testes com resultados positivos para o SARS-CoV-2, o vírus causador da Covid-19, passaram de 8,5% para 23,6%, segundo o novo levantamento do Instituto Todos pela Saúde (ITpS) em parceria com os laboratórios privados Dasa, DB Molecular e HLAGyn. O índice havia caído para 3,6% no fim de março e aumentou para 8,5% no mês passado, refletindo a alta de infecções em curso no país.

No período de 30 de abril a 14 de maio, seis estados tiveram aumento de testes positivos: São Paulo (de 14% para 24%), Rio de Janeiro (de 11% para 23%), Minas Gerais (de 8% para 23%), Mato Grosso (de 6% para 19%), Goiás (de 3% para 19%) e Distrito Federal (de 3% para 11%). Os dados da pesquisa são coletados principalmente nas regiões Sudeste e Centro-Oeste do país (95%).

Sobre as infecções por faixa etária, os principais saltos estão entre pessoas dos 10 aos 19 anos (de 13% para 25%), dos 50 aos 59 anos (17% para 31%) e dos 70 aos 79 anos (de 13% para 29%).

A pesquisa também observou a circulação de outros vírus no período de 7 a 14 de maio e constatou que o SARS-CoV-2 é o prevalente, correspondendo a 95,9% dos resultados positivos. VSR e Influenza totalizaram 3,7% e 0,4%, respectivamente.

“A taxa de positividade do VSR se mantém acima de 17%. Esse vírus causa resfriados comuns em todas as faixas etárias e pode gerar infecções graves em crianças e idosos. Na semana de 7 a 14 de maio, 41,6% de todos os casos positivos de VSR foram detectados entre crianças de 0 a 9 anos, principal faixa etária afetada pelo vírus”, informou, em nota, o ITpS.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)