Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

SP: casos de dengue crescem 23% em uma semana

Total de notificações na cidade passou de 6.896 para 8.508 nos últimos sete dias. Cidade registrou oito mortes por dengue em 2014

Os casos confirmados de dengue na cidade de São Paulo cresceram 23% em relação à semana passada. Segundo dados divulgados pela Secretaria Municipal da Saúde nesta quinta-feira, a cidade totalizou 8.508 notificações da doença neste ano – até a última semana, haviam sido registrados 6.896 casos. A Secretaria também confirmou mais três mortes decorrentes da doença – ao todo, oito pessoas morreram por dengue na cidade em 2014.

Dos novos 1.612 casos de dengue notificados nos últimos sete dias, a maioria (1.098, ou 68%) ocorreu entre os dias 13 de abril e 3 de maio – segundo a Secretaria, esse período corresponde ao pico da doença neste ano.

Os casos de dengue registrados até agora em São Paulo já superam as notificações de todo o ano de 2013 (2.617); de 2012 (1.150); de 2011 (4.191); e de 2010 (5.866).

Óbitos – As três mortes confirmadas nesta quinta-feira pela Secretaria da Saúde são de um homem de 38 anos que morava em Perus, em 26 de fevereiro; de uma mulher de 46 anos do Tremembé, em 13 de abril; e de uma idosa de 65 anos moradora da Lapa, de 25 de abril.

De acordo com o balanço, dos 96 bairros de São Paulo, apenas dois não registraram casos de dengue neste ano: Marsilac e Socorro. Sete distritos estão em nível de emergência da transmissão – quatro da Zona Oeste (Jaguaré, Rio Pequeno, Lapa e Raposo Tavares), dois na Zona Norte (Tremembé e Pirituba) e um na Zona Leste (Vila Jacuí).