Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

São Paulo deve começar a vacinar crianças de 11 anos na segunda-feira

Segundo o secretário municipal da saúde, primeiras doses da vacina pediátrica da Pfizer devem chegar à capital na sexta-feira, 14

Por Simone Blanes, Paula Felix Atualizado em 13 jan 2022, 14h04 - Publicado em 13 jan 2022, 12h44

A Prefeitura de São Paulo informou que pretende iniciar a vacinação de crianças de 11 anos contra a Covid-19 na próxima segunda-feira, 17. Segundo o secretário municipal da Saúde, Edson Aparecido, as primeiras doses da vacina pediátrica da Pfizer devem chegar à capital no fim da tarde ou começo da noite de sexta-feira, 14.

“Nós dependemos das vacinas que o estado vai mandar amanhã no final da tarde. Vamos distribuir essas vacinas no sábado para dar início na segunda-feira. Não sabemos ainda a quantidade de vacinas que nós vamos receber. Vamos iniciar, como estabeleceu o Ministério da Saúde, pelas crianças com 11 anos”, disse o secretário.

O primeiro lote de imunizantes com 1,2 milhões de doses desembarcou no Brasil na madrugada desta quinta-feira, 13, no Aeroporto de Viracopos, em Campinas, interior de São Paulo, às 4h38 e seguiu para Guarulhos, na Grande São Paulo. Ainda nesta quinta, começa a distribuição, que de acordo com o Ministério da Saúde, será proporcional à população infantil em casa estado e no Distrito Federal. “Nós temos 1 milhão e 350 mil crianças de 5 a 11 anos e, de 11 anos, (são) 168 mil”, completou Aparecido.

Ele diz que a sugestão dada pelo Ministério de iniciar pelo público com comorbidades não deve ser adotada. “A ideia é tratar todas as crianças na faixa etária de 11 anos. A não ser que a gente não receba doses suficientes. São 168 mil crianças com 11 anos. Se recebermos 50 mil, vamos tentar fazer algo diferente, mas essa questão de comorbidades deu muitos problemas com os adultos. O ideal é tratarmos por faixa etária. É isso que vamos fazer”, explicou o titular da pasta.  A prefeitura espera distribuir as vacinas pediátricas no sábado, 15, para aproximadamente 700 pontos de vacinação espalhados pela cidade.

Nesta quarta-feira 12, o governador do estado, João Doria, anunciou a abertura do pré-cadastro para a vacinação infantil pela plataforma Vacine Já. Espera-se que 4,3 milhões de crianças comecem a ser imunizadas assim que as doses forem liberadas pelo Ministério da Saúde. “O estado de São Paulo está pronto para começar a vacinação das crianças”, afirmou Doria. Segundo o governo paulista, a vacinação das crianças será realizada em 5.000 postos de vacinação, além de 268 escolas da rede pública estadual.

Continua após a publicidade

Publicidade