Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Saiba como se prevenir do câncer no intestino

Câncer no intestino tem alto índice de cura quando detectado precocemente. Saiba identificar os sintomas e aprenda qual alimentação mais adequada para evitá-lo

Por Da Redação - 4 set 2011, 13h25

O câncer de intestino é uma prova do avanço da medicina no tratamento dos tumores. Há apenas 20 anos, ele tinha baixo índice de cura, principalmente quando havia a metástase. Hoje, se detectado precocemente, até 90% dos pacientes são curados. E os efeitos colaterais do tratamento com radioterapia, bastante graves até bem pouco tempo atrás, foram atenuados. “Como todos os tipos de câncer, é preciso estar na frente da doença”, diz o cirurgião Raul Cutait, do Hospital Sírio-Libanês, de São Paulo. Cutait fez parte da equipe que tratou o vice-presidente José Alencar e atualmente integra a equipe que cuida da saúde da presidente Dilma Rousseff e do ator Reinaldo Gianecchini – ambos tiveram linfoma. Nos vídeos abaixo, ele explica qual é a alimentação ideal para evitar o desenvolvimento do câncer de intestino e como é feito o diagnóstico precoce da doença, essencial para aumentar as chances de cura.

*O conteúdo destes vídeos é um serviço de informação e não pode substituir uma consulta médica. Em caso de problemas de saúde, procure um médico.

Publicidade