Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Recall de 380 milhões de ovos de galinha é feito nos Estados Unidos

Surto da bactéria Salmonella atingiu 13 estados americanos

Por Da Redação 19 ago 2010, 20h00

A bactéria Salmonella pode causar febre, vômitos, dores de estômago e diarreias

Nos Estados Unidos, um recall tirou do mercado 380 milhões de ovos de galinha relacionados com um surto de Salmonella nos estados da Califórnia, Colorado e Minnesota, nos últimos três meses. Segundo afirmou nesta quinta-feira o FDA (órgão que fiscaliza alimentos e medicamentos nos Estados Unidos), todos os ovos vieram de uma mesma fazenda no estado de Iowa e eram vendidos sob 13 marcas diferentes.

Desde maio, o número de casos envolvendo a Salmonella, bactéria que pode causar febre, vômitos, dores de estômago e diarreias, aumentou de 50 para 200 por semana. Na Califórnia, 266 casos foram relacionados aos ovos provenientes da fazenda de Iowa, que pertence à DeCoster Farms. Casos em outros dez estados também estão sendo investigados. A fazenda também está sendo vistoriada pelas autoridades sanitárias, que procuram a fonte da contaminação.

A melhor maneira de evitar a Salmonella é manter os ovos refrigerados a uma temperatura média de 7ºC, cozinhá-los bem, até que a clara e a gema fiquem firmes, e consumi-los logo após o preparo. Não se deve consumir ovos crus – especialmente crianças, idosos e pessoas com o sistema imunológico debilitado – e, na hora de comprá-los, descarte os ovos sujos ou com rachaduras.

Continua após a publicidade

Publicidade