Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Por que guerra na Ucrânia prejudica atendimento em hospitais de São Paulo

Dificuldades de importação provocadas pelo conflito causam falta de remédios. Entre eles, dipirona e antibióticos

Por Cilene Pereira 19 abr 2022, 14h44

O SindHosp- Sindicato dos Hospitais, Clínicas e Laboratórios do Estado de São Paulo alertou nesta terça-feira, 19, que medicamentos para dor, febre e antibióticos, entre outros, estão em falta na rede privada. De acordo com a entidade, a principal causa do desabastecimento é a guerra na Ucrânia. “O problema de abastecimento tem múltiplas origens, mas o conflito dificultou as importações e causou aumento dos preços dos insumos”, afirmou o médico Francisco Balestrin, presidente do SindHosp. “Soma-se, ainda, a dificuldade de liberação dos produtos nos portos e aeroportos devido a movimentos grevistas”, completou.

O SindHosp reúne 51 mil estabelecimentos de saúde de São Paulo, dos quais 420 são hospitais particulares. A entidade está levantando junto às empresas filiadas quais os principais medicamentos em falta. O que se sabe é que, na lista, estão a Dipirona, solução injetável padronizada na maioria dos estabelecimentos de saúde no país pela sua ação analgésica e antipirética; Ocitocina, utilizada em partos, e a Neostigmina, um reversor de bloqueio neuromuscular utilizado em anestesias gerais.

Não há estoque também de Aminoglicosídeos (Amicacina e Gentamicina), drogas bactericidas, e de Imunoglobulina Humana, utilizada no controle de desordens imunológicas e inflamatórias específicas, incluindo púrpura trombocitopênica idiopática (PTI), Síndrome de Kawasaki e Síndrome de Guillain-Barré.

 

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)