Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Pesquisadores conseguem isolar anticorpo que neutraliza vírus da dengue

Descoberta pode ajudar a desenvolver novos tratamentos para o vírus da doença do tipo 1

Por Da Redação 22 jun 2012, 11h02

Uma equipe internacional de pesquisadores conseguiu isolar um anticorpo humano capaz de neutralizar um dos quatro tipos do vírus que causa a dengue. Segundo o estudo, que foi publicado nesta semana na revista Science Translational Medicine, essa descoberta pode levar a novas abordagens de tratamento e prevenção da doença. A pesquisa foi conduzida na Universidade Nacional de Cingapura.

No artigo, os autores lembram que 2,5 bilhões de pessoas no mundo vivem em áreas de risco de transmissão da dengue. O único tratamento disponível para pacientes com a doença é o alívio dos sintomas, que incluem quadros de febre alta, dor muscular, náusea, vômitos e, em casos graves, morte.

O anticorpo isolado pelos pesquisadores, chamado 14c10, é capaz de neutralizar o vírus da dengue tipo 1 (DEN-1). Os cientistas identificaram essa proteína após analisarem uma amostra de aproximadamente 200.000 anticorpos colhidos de 100 pessoas que haviam sido infectadas pelo vírus da dengue e se recuperado da doença.

Proteína poderosa – Após observarem que o 14c10 é capaz de neutralizar o DEN-1, os pesquisadores isolaram o anticorpo do organismo de uma pessoa que havia sido infectada por esse vírus. Eles, então, realizaram experimentos em camundongos e observaram que esse anticorpo age sobre as proteínas superficiais do vírus e o mata antes mesmo de ele infectar as células do organismo.

De acordo com o artigo, esse anticorpo se mostrou mais eficaz na neutralização do vírus do que as drogas que vêm sendo desenvolvidas para combater a dengue. Segundo os autores, a próximo passo da equipe será realizar testes clínicos para testar o anticorpo isolado em pacientes infectados pelo DEN-1. Eles também pretendem identificar proteínas capazes de combater os outros três tipos de vírus que provocam a dengue.

Brasil – Dados do Ministério da Saúde mostraram que o número de mortes por dengue caiu no último ano no Brasil. Entre janeiro e abril deste ano, foram registrados 74 óbitos em decorrência da doença. No mesmo período em 2011, houve 374 mortes. O registro total de casos de dengue no país também diminuiu de 507.798 para 286.011.

Clique nas perguntas abaixo para saber mais sobre a dengue:

  • Causas e sintomas
  • Prevenção e tratamento

Stefan Cunha Ujvari, médico infectologista do Hospital Alemão Oswaldo Cruz e autor do livro A história da humanidade contada pelos vírus Stefan Cunha Ujvari, médico infectologista do Hospital Alemão Oswaldo Cruz e autor do livro A história da humanidade contada pelos vírus Stefan Cunha Ujvari, médico infectologista do Hospital Alemão Oswaldo Cruz e autor do livro A história da humanidade contada pelos vírus Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo

Como a dengue é transmitida?

Como o vírus da dengue atua em nosso corpo?

Qual a diferença entre a dengue e a febre amarela?

Como identificar corretamente os sintomas da dengue?

Quem já teve dengue fica imune à doença?

Qual a diferença entre a dengue normal e a hemorrágica?

Quando os sintomas indicam que o paciente deve procurar um médico?

  • Como a dengue é transmitida?
  • Como o vírus da dengue atua em nosso corpo?
  • Qual a diferença entre a dengue e a febre amarela?
  • Como identificar corretamente os sintomas da dengue?
  • Quem já teve dengue fica imune à doença?
  • Qual a diferença entre a dengue normal e a hemorrágica?
  • Quando os sintomas indicam que o paciente deve procurar um médico?

Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo Vídeo

Continua após a publicidade

Qual é o tratamento da dengue?

Que remédios não devem ser tomados quando há suspeita de dengue?

Usar inseticida é suficiente para deixar a casa livre do mosquito?

Quais são os melhores métodos para matar o mosquito?

Os repelentes são eficazes em afastar o mosquito?

Por que ainda não existe vacina contra a dengue?

  • Qual é o tratamento da dengue?
  • Que remédios não devem ser tomados quando há suspeita de dengue?
  • Usar inseticida é suficiente para deixar a casa livre do mosquito?
  • Quais são os melhores métodos para matar o mosquito?
  • Os repelentes são eficazes em afastar o mosquito?
  • Por que ainda não existe vacina contra a dengue?

*O conteúdo destes vídeos é um serviço de informação e não pode substituir uma consulta médica. Em caso de problemas de saúde, procure um médico.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês