Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Novo vírus similar ao da SARS matou 30 pessoas no mundo, diz OMS

A Síndrome Respiratória Coronavírus do Oriente Médio (MERS), como foi denominada pela OMS, foi identificada pela primeira vez em setembro de 2012

Por Da Redação
31 Maio 2013, 11h30

Um vírus pertencente à mesma família do vírus causador da SARS (Síndrome Respiratória Aguda Grave, na sigla em inglês) já causou 30 mortes no mundo desde que foi identificado pela primeira vez, em setembro de 2012. O número foi divulgado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) nesta sexta-feira após a confirmação de três mortes pela infecção na Arábia Saudita.

A OMS se refere à infecção pelo novo vírus como Síndrome Respiratória Coronavírus do Oriente Médio (MERS). De acordo com o órgão, a doença afetou 50 pessoas em todo o mundo, a maioria na Arábia Saudita. Outros casos foram registrados em Qatar, Jordânia, Tunísia, Emirados Árabes Unidos, Alemanha, Grã-Bretanha e França.

O novo vírus, chamado NCoV, pertence à família coronavírus, que inclui tanto a gripe comum como a SARS, disseminada a partir da Ásia no final de 2003, matando 775 pessoas. Segundo a OMS, esse novo vírus se difere da SARS principalmente porque provoca insuficiência renal de forma rápida. A organização, que ainda não sabe qual é a fonte do vírus, prevê enviar nos próximos dias duas equipes, uma para a Arábia Saudita e outra para a Tunísia, para investigar a origem das contaminações.

Leia também:

França registra primeiro caso de vírus similar ao da SARS

Continua após a publicidade

Novo vírus similar ao da SARS é transmitido de uma pessoa para outra

Novo vírus similar ao da SARS está adaptado para infectar humanos

(Com agência France-Presse)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.