Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cerveja tem vitamina que combate anemia

Uma pesquisa feita pela Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) mostrou que a cerveja, assim como as verduras de cor escura, tem vitamina B9 (conhecida como ácido fólico ou folato) – muito importante no combate à anemia e doenças cardiovasculares.

A pesquisadora e engenheira de alimentos Ana Cecília Poloni Rybka, responsável pela pesquisa, explica que as análises foram feitas em três tipos de cerveja produzidas no Brasil: pilsen, sem álcool e malzbier. “Os resultados mostraram que a cerveja tem cerca de 20 microgramas de folato por 100 ml. Uma lata tem de 17% a 20% das quantidades de vitamina B9 recomendada (por dia, para um adulto)”, explica. Foram analisadas cinco formas de folato e três deles estavam na bebida. “Mas não podemos dizer que a cerveja supre carência desse nutriente”, ressalva.

Além da vitamina B9, foram analisadas na pesquisa as quantidades de compostos fenólicos (antioxidantes, substâncias que combatem o aparecimento de radicais livres na corrente sanguínea) nas cervejas.

Variações – O tipo malzbier respondeu às análises com mais que o dobro de compostos desse tipo do que as cervejas pilsen e sem álcool. A cerveja sem álcool apresentou teor abaixo, porém similar ao teor encontrado em cerveja pilsen, tanto de folatos como de compostos fenólicos.

A pesquisadora diz, no entanto, que consumir cerveja em excesso não garante o suprimento necessário de vitamina. “O consumo excessivo de álcool causa diversos males ao organismo, inclusive prejudica a absorção de vitaminas, entre elas o próprio folato”, enfatiza. “Mas existem estudos que revelam que o baixo consumo de álcool não possui esta capacidade prejudicial.”

(Com Agência Estado)