Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Brasil: atividade esportiva é restrita a homens jovens e ricos

VEJA desta semana divulga conclusões do maior estudo do tipo já feito no país

Em um país de sedentários, a minoria que se exercita é homem, jovem e rica. É o que revela uma pesquisa inédita feita pela filial brasileira da Sport+Markt, a maior sobre os hábitos esportivos no Brasil, divulgada na edição desta semana da revista VEJA. O Estudo sobre Prática de Esportes ouviu 46.308 pessoas de 130 cidades com mais de 200.000 habitantes de todos os estados do Brasil. E chegou à preocupante conclusão para a saúde dos brasileiros.

No país, seis em cada dez pessoas a partir de 16 anos são sedentárias. Entre os homens, 51% não praticam atividades esportivas, enquanto 72% das mulheres são sedentárias. “É uma questão social. A maioria das mulheres precisa trabalhar fora e também cuidar da casa. Essa dupla jornada dificulta a prática de esportes”, afirma Cesar Gualdani, presidente da Sport+Markt.

A faixa etária e a classe social também são fatores determinantes. A idade em que mais se praticam esportes é entre os 16 e os 24 anos, com 66% dos homens e 35% das mulheres. E a classe A é a mais atlética, com 55% dos homens e 34% das mulheres. A reportagem de VEJA também apresenta um mapa da prática de esportes no Brasil, explica o que ocorre com o nosso corpo no decorrer da vida e derruba sete mitos sobre o exercício físico.