Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

90,7% dos internados no Rio de Janeiro não estão vacinados contra Covid-19

Apesar de a capital fluminense ter 81% da população total com esquema vacinal completo e 28% com a dose adicional, ainda há 30 mil pessoas sem vacinar

Por Simone Blanes 12 jan 2022, 12h20

O principal motivo de internação no Rio de Janeiro pela Covid-19 não é o avanço da variante ômicron, mas as pessoas que a contraem sem estarem vacinadas. Segundo a Secretaria municipal de Saúde, 90,7% dos internados na rede SUS da capital fluminense não completaram o esquema vacinal, incluindo a dose de reforço, e 38% não tomaram nem a primeira dose.

Nesta terça-feira, 11, o número de internados na cidade era 170, 31% a mais que na segunda, 10. Os novos casos diários também crescem a cada dia: foram registradas 10.489 novas infecções no estado nesta terça-feira, 9.315, só na capital, o maior número desde o início da pandemia, em março de 2020.

Apesar da cidade ter 81% da população total com esquema vacinal completo pelas duas doses e 28% com a dose adicional, ainda há 30 mil pessoas sem vacinar. E a vacina é a principal forma de combater o desenvolvimento de doença grave, óbito e a variante ômicron, com a dose de reforço. “Precisamos que as pessoas façam o reforço para mantê-las protegidas. Vemos nos postos muitas pessoas chegando e relatando ter esquecido a data ou que se confundiram com a redução do intervalo (de 5 para 4 meses)”, disse secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, nesta terça-feira, 11.

Segundo a pasta, 742 mil pessoas deveriam ter tomado a dose de reforço na cidade do Rio de Janeiro, sendo quase 200 mil idosos, considerados grupo de risco. “A ômicron se comporta de forma muito diferente entre os vacinados e os não vacinados. Nos vacinados, por exemplo, não vemos tanto comprometimento pulmonar, mas, sim, sintomas nas vias áreas superiores, como dor de garganta, dor de cabeça e congestão nasal”, informou Soranz.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)