Clique e assine a partir de 9,90/mês

Veja Essa: Tom Brady, Bill Gates e Gisele Bündchen

As frases da semana

Por Lizia Bydlowski - Atualizado em 20 mar 2020, 09h08 - Publicado em 20 mar 2020, 06h00

“Embora vá continuar minha carreira em outro lugar, valorizo tudo o que alcançamos.”
TOM BRADY, astro do futebol americano (e marido de Gisele), despedindo-se do Patriots, no qual jogou por vinte anos. Aos 42 anos, ele se tornou dono de seu passe e negocia com outras equipes

“Tenho canal direto com a pessoa encarregada na Casa Branca, e ela me pediu recomendações.”
KURT KLOSS, médico, em mensagem de grupo a colegas. Ele é sogro do irmão de Jared Kushner, assessor especial de Donald Trump — que é, por sua vez, seu sogro. Kushner recebeu a missão de municiar o presidente de informações sobre o novo coronavírus e apelou para o médico da família

“Estou mais otimista do que nunca quanto ao progresso da empresa e à sua capacidade de seguir beneficiando o mundo.”
BILL GATES, fundador da Microsoft, ao anunciar seu total afastamento da direção do gigante de tecnologia

“Vou ter problema para voltar para casa.”
THOMAS WAERNER, norueguês que venceu o Iditarod, corrida de trenó puxado por cães que percorre 1 600 quilômetros no Alasca e, no caso dele, durou nove dias e dez horas — praticamente a única competição esportiva ainda em andamento no mundo

“Se a aparência das pessoas ou o ambiente não forem bons, o vídeo será muito menos atraente e pouco recomendado a novos usuários.”
MANUAL DO TIKTOK, a muito popular rede social chinesa, dando a entender que imagens de “pobreza rural, favelas, barriga de cerveja e sorriso torto” são escondidas para não prejudicar a audiência. Segundo um porta-voz, as diretrizes, divulgadas pelo site The Intercept, ou não são mais usadas ou nunca existiram

“Foi uma loucura. Não acho saudável. Não acho aconselhável. A gente precisa mexer as coisas lá embaixo.”
ORLANDO BLOOM, ator, revelando que passou seis meses celibatário antes de começar a namorar a cantora Kate Perry, em 2016. Apesar do, digamos, desconforto, gostou da forma como se relacionou no período “com as mulheres e com o feminino dentro de mim”

“Meu pecado da gula é chocolate amargo.”
GISELE BÜNDCHEN, modelo e ativista politicamente correta até quando peca

“Não tenho time de freiras.”
RENATO GAÚCHO, técnico do Grêmio, aliviando seus comandados na briga em campo contra o Internacional que levou a oito expulsões. Mas condenou a pancadaria: “Vergonhosa”

“Eu matei a Copa do Bill Clinton. E eles sabem disso. É vingança. Todo mundo diz que o Clinton é muito vingativo.”
RICARDO TEIXEIRA, ex-presidente da CBF banido do futebol por corrupção, pondo seus processos na Justiça americana na conta de pura e simples perseguição. O ex-presidente apresentou a candidatura dos Estados Unidos para a Copa de 2022. Teixeira votou no Catar — daí a mágoa

@nandacosta/Instagram

“Eu falava: ‘Não vai rolar, sou gay’. (…) Aí falavam: ‘Que desperdício’. Não entendia quanto esse comentário é violento.”
NANDA COSTA, atriz, sobre as reações à sua orientação sexual no começo da carreira

“Saí ontem para um mundo muito diferente. Um mundo que mudou para sempre. É de dar nó na cabeça.”
JARED LETO, ator, em postagem na terça 17, logo depois de encerrar doze dias de meditação silenciosa no deserto, sem contato externo

“Por que sempre querem que o pobrinho ganhe?”
MONIQUE EVANS, apresentadora, levando ao Twitter seu desacordo com os critérios de eliminação do BBB 20

Publicado em VEJA de 25 de março de 2020, edição nº 2679

Publicidade