Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Quatro grandes espetáculos no país que foram reagendados para 2021

Público pode esperar do Lollapalooza ao Rock in Rio

Por Da Redação Atualizado em 12 nov 2020, 12h47 - Publicado em 13 nov 2020, 06h00

– Lollapalooza
Previsto para março de 2020, com Guns N’ Roses, Lana Del Rey e Strokes no line-up, o festival voltado para a música indie e o rock foi o primeiro grande evento a ser adiado neste ano. Ele acabou sendo remarcado para os dias 10, 11 e 12 de setembro, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo. Os ingressos comprados continuam valendo, mas nenhuma atração anunciada em 2020 foi confirmada novamente.

– Rock in Rio (foto)
Com a vacina contra a Covid-19 no horizonte, grandes eventos musicais que foram cancelados anunciaram novas datas para o ano que vem. A esperança é que a pandemia arrefeça até lá. O Rock in Rio, que acontece a cada dois anos na capital fluminense, está marcado para 24 a 30 de setembro e 1º a 3 de outubro. Até o momento, apenas o DJ Alok foi confirmado oficialmente. Já a edição portuguesa, que seria realizada em 2020, foi adiada para junho do ano que vem, em Lisboa.

– Coala Festival
Dedicado à música brasileira, da MPB ao rap, o Coala Festival vai acontecer no mesmo fim de semana do Lollapalooza, nos dias 11 e 12 de setembro. A organização do evento, realizado há oito anos no Memorial da América Latina, em São Paulo, tentou outras datas para não coincidir com a dos colegas, mas nenhuma estava disponível no calendário da instituição. O line-up ainda não foi divulgado.

– Festa do Peão de Barretos
Marcada para agosto e depois adiada para outubro, a tradicional Festa do Peão de Barretos demorou a aceitar a mudança para 2021. Enfim, foi ajeitada entre os dias 19 e 29 de agosto do ano que vem. Em 2019, a Festa reuniu 800 000 pessoas e movimentou 900 milhões de reais. Gusttavo Lima será o embaixador e a principal atração. Os ingressos adquiridos em 2020 serão válidos para 2021.

Publicado em VEJA de 18 de novembro de 2020, edição nº 2713

Continua após a publicidade
Publicidade