Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Réu da Lava Jato, empresário morre em SP

Por Da Redação 8 jun 2015, 19h46

O executivo João Alberto Lazzari, funcionário da construtora OAS e um dos réus dos processos que envolvem o escândalo do petrolão, morreu no último dia 31 de maio, no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, em decorrência de um câncer no estômago. O juiz Sergio Moro, responsável pelas ações da Operação Lava Jato na primeira instância, deverá declarar a extinção da punibilidade dele na ação penal que reúne evidências de participação da empreiteira no esquema de fraudes na Petrobras. O advogado de Lazzari anexou no processo a ser analisado por Moro a certidão de óbito do executivo. Em dezembro, o magistrado havia determinado a abertura de ação penal contra executivos da OAS, incluindo o presidente da empresa, José Aldemário Pinheiro Filho, conhecido como Léo Pinheiro, contra Lazzari e outras sete pessoas pelos crimes de lavagem de dinheiro e corrupção. (Laryssa Borges, de Brasília)

Publicidade