Clique e assine com até 92% de desconto

Policiais chamam Rio de “inferno” e alertam para insegurança

Por Da Redação 27 jun 2016, 16h50

Policiais civis do Rio de Janeiro protestaram na manhã desta segunda-feira contra o corte de orçamento e atraso no pagamento dos salários. Os oficiais realizaram uma paralisação no Aeroporto Internacional Tom Jobim. Diante do portão de desembarque, eles carregaram uma faixa chamando o Rio de “inferno” e recepcionaram os turistas alertando para a insegurança da cidade. Em carta aberta à população, os policiais afirmam faltar itens básicos como papel e água, além de contar com um efetivo reduzido nas delegacias. Em nota, a Polícia Civil do Rio de Janeiro informou que a reinvindicação dos policiais é justa e motivada pelas dificuldades enfrentadas recentemente, entretanto “não pode desconsiderar a defesa irrefreável da sociedade em face da criminalidade”. Ainda não se sabe o número de delegaciais que aderiram ao protesto. (Da redação)

Publicidade