Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Mandado de prisão contra Azeredo chega à Polícia Civil de MG

Ex-governador tucano teve negado, nesta terça-feira, seu último recurso ao Tribunal de Justiça de Minas Gerais contra condenação a 20 anos de prisão

Por Estadão Conteúdo Atualizado em 22 Maio 2018, 21h42 - Publicado em 22 Maio 2018, 20h26

A Polícia Civil de Minas Gerais já recebeu o mandado de prisão contra o ex-governador de Minas Gerais Eduardo Azeredo (PSDB), que teve esgotada nesta terça-feira, 22, no Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), todas as possibilidades de recurso na Justiça estadual contra sua condenação a 20 anos e um mês de cadeia no mensalão mineiro.

A informação é do Fórum Lafayette, a primeira instância da Justiça estadual, que também já recebeu o mandado. A condenação inicial de Azeredo ocorreu na 9ª Vara Criminal, no fórum.

O advogado de Azeredo, logo depois do fim da sessão na tarde desta terça que negou o último recurso, chegou a afirmar que iria até a Vara para conversar sobre seu cliente. Conforme informações do fórum, no entanto, não há o que fazer em casos assim, a não ser o cumprimento do mandado.

Ainda de acordo com o Fórum Lafayette, não há registro de que o advogado tenha ido à 9ª Vara. Conforme a Polícia Civil, não há prazo para o cumprimento do mandado. A corporação informou ainda que, procurado e não encontrado, o condenado é considerado foragido.

  • Azeredo mora no bairro Serra, região Sul de Belo Horizonte. O ex-governador deixou sua residência no meio da tarde, ainda quando transcorria o julgamento de seu recurso no TJ. Azeredo aguarda decisão sobre habeas corpus apresentado ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).

    Continua após a publicidade
    Publicidade