Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Gilmar Mendes manda soltar mulher de Cabral

Condenada por lavagem de dinheiro e organização criminosa, Adriana Ancelmo cumpria pena em regime fechado na mesma prisão que ex-governador do Rio

Por Da Redação
Atualizado em 18 dez 2017, 22h11 - Publicado em 18 dez 2017, 18h21

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), mandou soltar nesta segunda-feira a ex-primeira-dama Adriana Ancelmo, mulher do ex-governador do Rio Sérgio Cabral (PMDB).

Adriana foi condenada a dezoito anos de prisão no âmbito da Operação Calicute e responde a outras três ações penais, sob acusação de lavagem de dinheiro de uma organização criminosa por meio da compra de joias. A mulher de Cabral foi presa preventivamente em dezembro do ano passado e chegou a cumprir a pena em regime domiciliar até março de 2017, no seu apartamento no Leblon, Zona Sul do Rio.

Em novembro, por 3 votos a 2, o Tribunal Regional Federal do Rio de Janeiro da 2ª Região (TRF2) decidiu mandar Adriana de volta para o regime fechado. Desde então, ela estava detida na penitenciária de Benfica, Zona Norte do Rio de Janeiro, onde também está o marido.

(Com Estadão e Agência Brasil)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.