Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Estreante na política, esposa de Crivella será suplente ao Senado

Sylvia Jane Crivella integrará chapa liderada pelo senador Eduardo Lopes, que assumiu vaga de Crivella; filho do casal tentará vaga na Câmara dos Deputados

Por Fernando Molica 16 ago 2018, 18h53

Mulher do prefeito Marcelo Crivella, do PRB,  Sylvia Jane Hodge Crivella quer uma vaga no banco de reservas do Senado. Estreante na política, Jane Crivella – seu nome eleitoral – foi registrada como primeira suplente na chapa encabeçada pelo atual senador Eduardo Lopes (PRB). Primeiro suplente de Crivella – que fora reeleito para o cargo em 2010 –, Lopes herdou lugar no plenário quando o titular renunciou ao mandato para assumir a prefeitura carioca.

Bacharel em Teologia,  o senador já presidiu o jornal Folha Universal e a Editora Gráfica Universal, ligados à Igreja Universal do Reino de Deus  – o prefeito do Rio é bispo licenciado da igreja e sobrinho de seu fundador, Edir Macedo.

Caso a chapa seja eleita, não será difícil para Sylvia Jane assumir uma vaga no Senado – basta que o titular renuncie ou seja nomeado para algum cargo fora do Poder Legislativo. Por conta da ida de Crivella para o Ministério da Pesca no governo Dilma Rousseff, Lopes exerceu o mandato de forma contínua entre 6 de março de 2012 e 17 de março de 2014.

Em 2016, quando Crivella licenciou-se do cargo para cuidar de sua campanha à prefeitura, coube ao suplente assumir a cadeira por mais quatro meses. Ficou de vez com a vaga no início de  2017.  Lopes tem mais cinco meses e 15 dias no Senado; deverá exercer a função por um total de quatro anos e cinco meses, tempo superior ao de Crivella no atual mandato de oito anos.

A candidata à primeira suplência declarou à Justiça Eleitoral ser dona de casa, é formada em Letras e publicou, entre outros, os livros “O desafio de criar filhos” e “Tempo de pausa”. De acordo com o site da editora, ambos são “dirigidos ao público feminino”.

Outro integrante da família Crivella, Marcelo Hodge, filho de Marcelo e Sylvia Jane, busca uma cadeira de deputado federal também pelo PRB. Para reforçar a ligação com o pai, ele usará na urna o nome de Marcelo Crivella Filho.

Continua após a publicidade

Publicidade