Clique e assine a partir de 9,90/mês

Bolsonaro sai de helicóptero e visita comércio em Goiás

Destino do presidente é a cidade de Abadiânia, a cerca de 130 km de Brasília

Por Laryssa Borges - Atualizado em 30 Maio 2020, 12h53 - Publicado em 30 Maio 2020, 11h12

O presidente Jair Bolsonaro deixou o Palácio da Alvorada na manhã deste sábado, 30, e saiu de helicóptero da Base Aérea de Brasília. O compromisso não estava na agenda de Bolsonaro. Ao deixar a residência oficial da Presidência, ele falou rapidamente com apoiadores, recebeu orações e disse “desculpem a pressa”. O líder do governo na Câmara dos Deputados, Major Vítor Hugo (PSL-GO), que embarcou com o presidente na viagem, afirmou que Bolsonaro vai “conversar com a população” de Abadiânia, cidade goiana a cerca de 130 km de Brasília. Também acompanham o presidente em compromissos neste sábado os ministros da Infraestrutura Tarcísio Gomes de Freitas, da Casa Civil Walter Braga Netto e da Justiça André Mendonça.

Em Abadiânia, Bolsonaro visitou uma lanchonete e posou para fotos. O presidente chegou ao local de máscara, mas rapidamente retirou o acessório ao ser fotografado por apoiadores. Ao contrário do que recomendam autoridades sanitárias, Bolsonaro ora colocava a máscara no queixo ora pendurada na orelha e pegou uma criança no colo. Houve aglomeração em frente ao estabelecimento e por onde ele passou.

Bolsonaro também visitou militares do Comando de Operações Especiais do Exército e, na BR-060, acompanhou uma fase da Operação Tamoio em que a Polícia Rodoviária Federal atua na apreensão de entorpecentes e carros roubados e em ações de enfrentamento à criminalidade. O presidente deve seguir ainda hoje para Minas Gerais. 

Publicidade