Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bolsonaro alega motivos médicos e cancela ida a evento da Aeronáutica

Presidente eleito afirmou que recebeu recomendação de repouso após agenda de transição; ele participaria de cerimônia de aspirantes da Força Aérea

O presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL) anunciou no final da manhã desta sexta-feira, 7, em sua conta no Twitter, que não iria a uma cerimônia da Força Aérea, que ocorre pela manhã em Pirassununga, cidade do interior de São Paulo. No microblog, Bolsonaro explicou que, por causa da extensa agenda que manteve nos últimos dias e do fato de ter tido poucas horas de sono, os médicos recomendaram que ele repousasse.

O presidente eleito segue monitorado pelos médicos em razão da cirurgia realizada em setembro, após ser alvo de uma facada em Juiz de Fora (MG) durante a campanha presidencial. Bolsonaro ainda passará por uma nova cirurgia para retirar uma bolsa de colostomia. “Em razão da extensa rotina e agenda nos últimos dias e poucas horas de sono, e conversa com a equipe médica que me acompanha, recebi recomendação expressa de, no dia de hoje, repousar. Por esse motivo, cancelamos a ida à Academia da Força Aérea e seguimos para o Rio de Janeiro”, informou o militar da reserva.

“Lamento a ausência na Cerimônia de Declaração de Novos Aspirantes da Força Aérea Brasileira. Cumprimento os formandos e suas respectivas famílias e lhes desejo continuados êxitos e novas conquistas! Brasil acima de tudo; Deus acima de todos”, finaliza o presidente eleito.