Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.

Blindada contra protestos, Dilma assiste ao desfile em Brasília

Presidente não enfrentou problemas ao desfilar de carro aberto em meio ao público. Contente ao perceber que não era vaiada, acenou para multidão

Por Gabriel Castro, de Brasília - 7 set 2014, 12h28

Ao assistir neste domingo àquele que pode ser seu último desfile de 7 de Setembro como presidente da República, Dilma Rousseff não enfrentou sobressaltos: a organização do desfile na capital federal aumentou o isolamento no entorno da área para evitar manifestações. Mas não houve protestos e a cerimônia transcorreu normalmente na Esplanada dos Ministérios nesta manhã.

Leia também:

Dilma: depoimento de Paulo Roberto Costa é ‘especulação’

O desfile durou cerca de uma hora e meia e, além da presidente Dilma, contou com a presença do vice Michel Temer e de pelo menos dez ministros.

Publicidade

Na chegada, Dilma desfilou em carro aberto diante do público e foi poupada de vaias por uma plateia mais interessada em assistir ao desfile do que em fazer demonstrações políticas. Na saída, ao notar que o clima era favorável, a presidente acenou por alguns segundos antes de entrar no carro. Além de integrantes das Forças Armadas, o desfile da Independência teve apresentações de alunos de escolas de Brasília e de integrantes de órgãos do governo local.

Publicidade