Clique e assine a partir de 9,90/mês

Augusto Heleno, o general estrategista que partiu para o ataque

Conhecido como pacificador ao longo da carreira militar, o general endureceu o tom e se tornou pivô da crise mais recente entre Executivo e Legislativo

Por Da Redação - Atualizado em 12 mar 2020, 19h14 - Publicado em 12 mar 2020, 18h50

Em um dos capítulos mais recentes do fogo cruzado entre o Executivo e Legislativo, o ministro-chefe do Gabinete da Segurança Institucional da Presidência da República, general Augusto Heleno, deixou escapar um comentário que explodiu a tensão entre os Poderes. Em uma live, mostrou irritação com a pressão do Congresso para controlar cerca de 30 bilhões de reais do chamado Orçamento impositivo. A controvérsia rendeu reação entre bolsonaristas e a convocação de manifestações pró-governo.

O episódio da semana analisa a trajetória do pivô dessa polêmica. Conhecido como pacificador ao longo da carreira militar, Augusto Heleno passou a endurecer o tom e, considerado um dos principais estrategistas do governo Bolsonaro, a adotar uma postura ofensiva.

Conheça os detalhes de cada etapa da história de Augusto Heleno em mais uma edição do podcast Funcionário da Semana.

Publicidade