Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Vice de Obama anuncia que não disputará presidência em 2016

Joe Biden agradeceu o apoio de Barack Obama e afirmou que, em luto pela morte do filho, em maio, não teve tempo de montar a campanha presidencial

Após meses de especulação, o vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou nessa quarta-feira que não concorrerá à indicação do Partido Democrata para as eleições presidenciais de 2016. Em pronunciamento surpresa na Casa Branca, Biden afirmou que, em luto pela morte de seu filho Beau, em maio, não pôde montar a campanha a tempo.

“Enquanto minha família e eu passávamos pelo processo de luto, eu sempre disse que era muito possível que a janela para a montagem de uma campanha para presidente se fechasse. Eu concluí que ela se fechou”, afirmou ao lado de sua esposa Jill e do presidente Barack Obama.

Leia mais:

Hillary aumenta vantagem na corrida democrata à Presidência

Ex-senador Jim Webb desiste da corrida presidencial americana

Joe Biden aproveitou para agradecer a Obama por todo seu apoio e prometeu ser ativo durante os próximos meses da campanha presidencial. “Eu não vou ficar em silêncio. Eu vou falar de forma clara e forte sobre nossa posição como nação e o caminho que o país precisa seguir.”

O vice-presidente também elogiou muito o atual presidente e seu governo. “Esse partido, nossa nação, cometerá um erro trágico ao se desviar ou tentar desfazer o legado de Obama. Os democratas devem não só defendê-lo, mas governar de acordo com ele”, afirmou.

(Da redação)