Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Venezuela estende pela quinta vez “estado de alerta” pela Covid-19

Dados oficiais sobre a pandemia no país são questionados por organizações de direitos humanos, que consideram a situação real muito pior

Por Da Redação
9 ago 2020, 21h43

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, estendeu neste domingo, 9, o “estado de alerta” declarado para combater a pandemia de coronavírus por 30 dias. A decisão permite a prolongação da quarentena vigente desde março.

“Usando as faculdades constitucionais que tenho como chefe de Estado, vou prorrogar o estado de alerta”, declarou Maduro durante uma transmissão da televisão estatal ao assinar o decreto que oficializa a medida.

A decisão coincide com uma escalada de casos positivos de Covid-19 na Venezuela. Os dados oficiais, questionados por organizações de direitos humanos, que consideram a situação real muito pior, registram desde meados de março 25.805 contágios e 223 mortes por coronavírus no país, de 30 milhões de habitantes.

Trata-se da quinta prorrogação do “estado de alerta”, modalidade de estado de exceção que outorga a Maduro poderes especiais, com os quais declarou uma quarentena nacional que está prestes a cumprir cinco meses. Contudo, a Venezuela iniciará nesta segunda-feira sete dias de “flexibilização” do confinamento.

Continua após a publicidade

O governo socialista aplica um esquema que chama de “7+7”, alternando sete dias de confinamento rigoroso, nos quais todo o comércio deve permanecer fechado, com exceção dos setores ditos “essenciais” (alimentício, saúde), com sete dias de flexibilidade que permitem reativar o restante das atividades econômicas.

(Com AFP)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.