Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Venezuela espera notícias de Chávez 4 dias após sua viagem a Cuba

Caracas, 4 abr (EFE).- Os venezuelanos aguardam nesta quarta-feira notícias de seu presidente, Hugo Chávez, quando se completam quatro dias de sua viagem a Havana para continuar com seu tratamento contra o câncer sem que tenha feito, até o momento, nenhuma aparição pública ou contato com os meios de comunicação estatais.

Desde que partiu no dia 31 de março rumo a Havana para submeter-se a um segundo ciclo de radioterapia, houve apenas cinco mensagens em sua conta na rede social Twitter.

O governo também não divulgou, como em outras ocasiões, fotografias ou vídeos do presidente com seus familiares na ilha.

Em uma cadeia de rádio e televisão antes de partir à ilha, Chávez, de 57 anos e que realizou três operações desde que foi diagnosticado com um câncer de natureza não revelada em junho, disse que ‘não é hora de morrer’ e confirmou que permanecerá até hoje ou amanhã em Cuba.

O presidente detalhou que ‘são cinco sessões de radioterapia, uma por dia, durante cinco dias consecutivos’, após o que terá dois dias de repouso.

Em suas últimas viagens para Havana, como a que fez desde o dia 25 de março até quinta-feira passada, 29, para a primeira fase da radioterapia, Chávez fez breves contatos telefônicos com a televisão estatal.

Durante essa estadia, que coincidiu com a visita do papa Bento XVI à ilha, não se descartava a possibilidade que o chefe de Estado se encontrasse com o pontífice, embora o próprio Chávez tenha afirmado que não interferiria na agenda papal.

Chávez foi operado no último dia 26 de fevereiro de uma recorrência do tumor extirpado em junho do ano passado, do que só se informou que estava na zona pélvica.

O presidente garantiu que não tem metástases e que confia em sua plena recuperação, e por isso não desistiu de disputar as eleições presidenciais de outubro, quando enfrentará o candidato da oposição unida, Henrique Capriles. EFE