Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Tumulto em estádio deixa mais de 30 mortos no Mali

As mulheres estavam na frente e foram prensadas e pisoteadas quando a multidão avançou para tentar tocar o imame Haïdara ao final da pregação, explicou uma testemunha

Ao menos 36 pessoas morreram nesta segunda-feira e 70 ficaram feridas num tumulto no estádio Modibo Keita de Bamako, durante a pregação de um célebre imame malinês, revelou um funcionário do ministério do Interior.

O incidente ocorreu quando a multidão tentava tocar o imame Ousmane Madani Haïdara, que terminava sua pregação por ocasião da festa muçulmana do Maouloud, que lembra o nascimento de Maomé.

As mulheres estavam na frente e foram prensadas e pisoteadas quando a multidão avançou para tentar tocar o imame Haïdara ao final da pregação, explicou uma testemunha.

Os socorristas da Defesa Civil chegaram rapidamente ao local e foram ajudados pelos serviços de emergência da vizinha cidade de Kati, a cerca de 15 km da capital malinesa.

Os feridos foram levados ao hospital Gabriel Touré, o principal de Bamako.

Há quase um ano, em 26 de fevereiro de 2010, cerca de 30 pessoas morreram pisoteadas em um tumulto em torno da mesquita de Djingareyber, a mais antiga de Tombuctu (900 km a nordeste de Bamako).

(Com AFP)