Clique e assine a partir de 9,90/mês

Trump ameaça usar ‘cães cruéis’ contra manifestantes na Casa Branca

Em sua conta no Twitter, o presidente dos Estados Unidos disse que Serviço Secreto estava pronto para usar 'armas ameaçadoras' caso cerca fosse quebrada

Por Jana Sampaio - Atualizado em 3 jun 2020, 12h29 - Publicado em 30 Maio 2020, 15h50

A morte de George Floyd em Minneapolis vem provocando uma crescente onda de manifestações que não deixou a residência oficial do presidente Donald Trump de fora. Neste sábado, 30, Trump usou sua conta no Twitter para afirmar que, caso a cerca que protege a Casa Branca fosse quebrada, “cães cruéis e armas das mais ameaçadoras” seriam usadas.

Em uma série de postagens, o empresário agradeceu a ação do Serviço Secreto que atuava no momento e afirmou que assistiu a tudo do lado de dentro da casa e não poderia ter se sentido mais seguro.

tuítes trump george floyd

A Casa Branca foi temporariamente trancada durante uma marcha para protestar contra a morte de Floyd, que foi morto depois que um policial branco ajoelhou sobre seu pescoço e o asfixiou. Os manifestantes se reuniram novamente no local e entraram em confronto com policiais até o início da manhã de sábado.

Continua após a publicidade

Com Reuters

Publicidade