Clique e assine a partir de 9,90/mês

Suu Kyi celebra começo de nova era em Mianmar

Liga Nacional pela Democracia conquistou 43 das 44 cadeiras no Parlamento

Por Da Redação - 2 abr 2012, 07h09

A líder da oposição de Mianmar, Aung San Suu Kyi, cuja Liga Nacional pela Democracia (LND) reivindicou uma ampla vitória nas eleições parciais de domingo, comemorou nesta segunda-feira “o começo de uma nova era” em um discurso pronunciado na sede do partido.

O resultado oficial não foi divulgado, mas a LND anunciou nesta segunda-feira que conquistou pelo menos 43 das 44 cadeiras do Parlamento que disputava na votação histórica, considerada uma prova da sinceridade das reformas anunciadas pelo governo que substituiu a junta militar no ano passado.

“Este será o começo de uma nova era. Não se trata de nosso triunfo, e sim do triunfo daqueles que decidiram que deveriam participar no processo político deste país”, afirmou a Prêmio Nobel da Paz. “O importante não é o número de cadeiras conquistadas, apesar de estarmos muito satisfeitos de ter obtido tantas, mas o fato de que as pessoas demonstrem tanto entusiasmo em sua participação no processo democrático”, disse Suu Kyi, que espera integrar o Parlamento pela primeira vez.

“Nós desejamos que todos os partidos que participaram nestas eleições possam cooperar conosco para criar uma atmosfera verdadeiramente democrática em nosso país”, concluiu.

Continua após a publicidade

A presidência cambojana da Associação de Nações do Sudeste Asiático (Asean), que enviou observadores a Mianmar, considerou as eleições “livres, justas e transparentes”. O secretário-geral da organização, Wunna Maung Lwin, disse que a votação aconteceu sem incidentes, em ordem e com forte participação.

(Com agência France-Presse)

Publicidade