Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Supremo rejeita ação de inconstitucionalidade movida por Lugo

Assunção, 25 jun (EFE).- A Corte Suprema do Paraguai rejeitou nesta segunda-feira a ação de inconstitucionalidade apresentada por Fernando Lugo na última sexta contra o ‘julgamento político’ que terminou com sua destituição como presidente, informou à Agência Efe um porta-voz do Poder Judiciário.

Lugo, que foi substituído pelo vice-presidente Federico Franco após ser considerado culpado por ‘mau desempenho’ pelo Legislativo, apresentou resistência às novas autoridades, embora tenha acatado o veredicto em um primeiro momento. EFE