Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Síria reconhece ter derrubado caça turco que voava sobre suas águas

Damasco, 23 jun (EFE).- A Síria confirmou neste sábado que suas forças derrubaram ontem um avião de combate turco que voava sobre suas águas, disse um porta-voz militar à agência oficial ‘Sana’.

‘A defesa antiaérea militar detectou uma aeronave não identificada que voava a uma altitude baixa e em grande velocidade’, a um quilômetro do litoral sírio, em frente à cidade de Latakia, assinalou o porta-voz.

A Turquia informou ontem que a Síria derrubara um de seus caças com dois tripulantes, que estão desaparecidos após caíram em águas sírias, e em comunicado o primeiro-ministro turco, Recep Tayyip Erdogan, adiantou que tomará ‘as medidas adequadas’ quando o incidente for esclarecido.

Damasco confirmou que as Marinhas da Síria e da Turquia estão cooperando em uma operação para resgatar os dois pilotos turcos.

Segundo o porta-voz militar, as defesas antiaéreas sírias responderam ‘com artilharia, atingindo a aeronave diretamente. O alvo resultou ser um avião militar turco que entrara em espaço aéreo sírio e com o qual se procedeu de acordo com a legislação prevista nestes casos’.

Damasco especificou que os disparos de suas baterias atingiram o caça F-4 Phantom quando este se encontrava a um quilômetro do litoral. A aeronave caiu em águas territoriais sírias ao oeste do povoado de Om al-Tuyur, na província de Latakia, a cerca de dez quilômetros da praia.

As relações entre Damasco e Ancara se deterioraram muito desde que começaram os protestos contra o regime de Bashar al-Assad na Síria, em março de 2011. EFE