Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Reféns das Farc foram assassinados pelas costas, segundo legista

Bogotá, 29 nov (EFE).- Os quatro reféns das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) assassinados no sábado foram baleados pelas costas e a uma curta distância de acordo com o relatório das autópsias, informou nesta terça-feira o Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Legistas de Bogotá.

‘Em todos os casos, os orifícios de entrada foram posteriores e a trajetória dos projéteis foi de trás para frente’, explica o estudo.

‘Três das vítimas foram atingidas no crânio e no tórax e os resíduos de pólvora indicaram que os disparos foram feitos a uma distância de menos de um metro’, acrescenta o documento.

Os quatro reféns, três policias e um militar, viveram mais de dez anos em cativeiro em poder das Farc e morreram em uma floresta da localidade de Solano, no departamento do Caquetá, durante uma ação do Exército.

O relatório foi divulgado nesta terça-feira pelo diretor do Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Legistas, Carlos Eduardo Valdés.

Os corpos das quatro vítimas foram entregues na segunda-feira aos seus familiares e nesta terça haverá um sepultamento coletivo em Bogotá. EFE