Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Primeiras imagens de dissidente Guillermo Fariñas em casa são divulgadas

Ele recebeu alta do hospital na última quinta-feira após encerrar greve de fome

O dissidente cubano Guillermo Fariñas recebeu alta nesta quinta-feira do hospital da cidade de Santa Clara. Ele ficou em greve de fome por 135 dias para pedir a liberdade dos presos políticos doentes.

Fariñas havia sido internado em 11 de março após um choque hipoglicêmico. Ele chegou a declarar que sua morte era iminente e culpou os irmãos Castro.

O dissidente encerrou o protesto em 8 de julho após a notícia do acordo entre a Igreja Católica e o governo de Raúl Castro para libertar 52 presos políticos.