Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Por meio ambiente, prefeito de NY anuncia apoio a Obama

Michael Bloomberg disse que tempestade Sandy o fez repensar a importância da questão ambiental para o país. Para ele, democrata tem propostas melhores

O prefeito de Nova York, uma das localidades mais afetadas pela tempestade Sandy, anunciou nesta quinta-feira seu apoio ao presidente Barack Obama, candidato à reeleição. Michael Bloomberg, de orientação independente, disse que Sandy fez com que ele reavaliasse a importância da questão do meio ambiente na gestão do país. O anúncio é feito a menos de uma semana do pleito, marcado para a próxima terça-feira.

Leia mais: Sandy causa prejuízo de US$ 200 mi por dia a Nova York

Bloomberg disse que, nos últimos quatro anos, o presidente “deu grandes passos para diminuir o consumo de carbono”. E que, enquanto o democrata vê a questão da mudança do clima como um problema urgente que ameaça o planeta, o republicano Mitt Romney não faz o mesmo.

“Eu quero que nosso presidente coloque evidências científicas e a administração de riscos acima das políticas eleitorais”, afirmou em um texto publicado no site de sua agência de notícias, a Bloomberg.

Saiba mais: Obama retoma campanha eleitoral após pausa por Sandy

Mesmo expressando seu apoio ao democrata, o prefeito também fez críticas a Obama, dizendo que, apesar de ter se apresentado em 2008 como um candidato pragmático que resolveria problemas e construiria consensos, falhou ao colocar essas ideias em prática. No entanto, afirmou, Obama conseguiu vitórias importantes, principalmente nas áreas de educação e saúde.

Por outro lado, o prefeito considera que Romney também não fez por merecer seu apoio. Na opinião de Bloomberg, apesar de o republicano também ter elaborado grandes projetos de meio ambiente, ele abandonou suas iniciativas. Se a versão 1994 ou 2003 de Romney estivesse disputando a presidência, acrescentou, ele provavelmente votaria no republicano, porque “assim como muitos outros independentes, eu achei que os últimos quatro anos foram decepcionantes”.

“Esse tema é importante demais. Nós precisamos de uma liderança determinada nacionalmente para que a nação e o mundo progridam”, disse o prefeito, que não apoiou nenhum candidato em 2008, quando Obama venceu o senador John McCain, republicano do Arizona.

Leia também: Sandy causa prejuízo de US$ 200 mi por dia a Nova York

O jornal The New York Times afirmou que o apoio do prefeito, que cumpre seu terceiro mandato, não era nada esperado, uma vez que os dois candidatos já haviam tentando conquistá-lo anteriormente, na esperança de angariar os votos da parcela independente do eleitorado.

Bloomberg havia dito, no entanto, que não apoiaria nenhum candidato este ano, uma vez que ambos haviam falhado em suas propostas de ajudar a nação.

Após o anúncio desta quinta, Obama disse estar honrado com o apoio recebido e acrescentou que a mudança climática é “uma ameaça ao futuro de nossas crianças e nós devemos a elas que façamos algo agora”.

Na terça-feira, ao ser questionado sobre uma possível visita de Obama a cidade nova-iorquinha, o prefeito dispensou a proposta, dizendo que “adoraria, mas nós temos muita coisa a fazer”. O presidente visitou o estado de Nova Jersey nesta quarta, verificando as áreas mais afetadas pela tempestade ao lado do governador republicano Chris Christie, um de seus maiores críticos. Diante da catástrofe, no entanto, as críticas deram lugar a elogios.