Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Policial mata nove colegas no Afeganistão

Por Johannes Eisele 30 mar 2012, 09h44

Um policial matou nesta quinta-feira nove colegas em Paktika, província do sudeste do Afeganistão, anunciaram nesta sexta-feira à AFP as autoridades locais.

Este incidente ocorre quando vários assassinatos recentes de soldados da Otan por soldados afegãos, aliados contra a rebelião dos talibãs, levantam dúvidas sobre a capacidade das forças afegãs de garantir a segurança do país substituindo a Otan, como está previsto para antes de 2014.

O ataque foi reivindicado em uma mensagem à AFP pelos rebeldes talibãs, muito ativos nesta região próxima a sua retaguarda no Paquistão.

“Na noite anterior, um de nossos combatentes atacou um posto de segurança, onde matou nove policiais locais”, indicou o porta-voz dos rebeldes, Zabihullah Mujahid, em um SMS enviado à AFP.

O policial “conseguiu fugir para voltar a se juntar às fileiras talibãs”, acrescentou.

Expulsos do poder no fim de 2001 por uma coalizão militar internacional dirigida pelos Estados Unidos, os rebeldes resistem ao governo e à força da Otan, dirigida pelos Estados Unidos.

Continua após a publicidade
Publicidade