Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Polícia americana divulga foto de atirador de Oakland

Sul-coreano Goh Su-nam, de 43 anos, afirma sofrer bullying na universidade

A polícia californiana divulgou nesta quarta-feira uma foto do acusado de matar sete pessoas, na última segunda-feira, em uma universidade de Oakland.

Goh Su-nam, preso logo após o ataque, nasceu na Coreia do Sul, mas vive nos Estados Unidos desde o início da década de 1990, quando adotou o nome One L. Goh.

Há dois anos, após ser expulso do apartamento em que morava por não pagar aluguel, Goh começou a estudar enfermagem na Universidade de Oikos, uma faculdade evangélica criada por um pastor coreano. No entanto, ele não mostrou interesse na religião e, após um ano e meio na escola, foi expulso por ter problemas de relacionamento com alguns colegas, informou o jornal The New York Times.

Personalidade – Autoridades americanas informaram que o suspeito era desrespeitado pelos estudantes em função de sua falta de habilidade com a língua inglesa. De acordo com o jornal USA Today, os investigadores descrevem Goh como um homem calculista e ‘caótico’. Um policial disse que o atirador não mostra arrependimento, mas coopera com as autoridades.

Segundo informações da rede de TV americana CNN, Goh era um filho dedicado, que visitava frequentemente seus pais em uma casa para idosos. Mas, segundo outras testemunhas, ele era muito agressivo em determinados ambientes.