Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pelo menos 13 pessoas morrem nesta segunda-feira na Síria

Cairo, 12 dez (EFE).- Pelo menos treze pessoas morreram nesta segunda-feira na Síria, dia em que foram realizadas eleições locais em todo país, em enfrentamentos entre forças de segurança do regime de Bashar al-Assad, rebeldes e soldados desertores.

Os Comitês de Coordenação Local afirmaram que dez pessoas, entre elas quatro mulheres e um menor de 13 anos, perderam a vida na província de Homs. Além disso, duas pessoas morreram em Hama e uma em Idleb.

Segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos, Idleb foi palco de bombardeios e tiroteios de metralhadoras. Além disso, foram registrados no local choques entre as forças de repressão e militares desertores.

Em Deraa, no sul do país, agentes de segurança e pistoleiros do regime, conhecidos como ‘shabiha’, dispararem contra uma estação de trem.

Os opositores de Assad continuaram nesta segunda em vários pontos do país a greve geral iniciada ontem em protesto contra seu governo. Esses incidentes ocorreram no mesmo dia em que foram realizadas eleições para os Conselhos Municipais da Síria, a primeira votação no país desde o início dos conflitos, em março.

A televisão local mostrou as pessoas indo votar nas zonas eleitorais. Cerca de 14,5 milhões de cidadãos sírios foram convocados para participar do pleito. EFE