Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Pela primeira vez, EUA despacham soldados para flanco leste da Otan

Washington anunciou o envio de 20.000 soldados para reforçar o poder da aliança militar, para ficar 'pronta para ameaças em todas as direções'

Por Da Redação 29 jun 2022, 09h01

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, disse nesta quarta-feira, 29, que Washington vai enviar 20.000 soldados para incrementar as forças da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) na Europa.

O estabelecimento de um quartel-general da guarnição do Exército e um batalhão de apoio de campo na Polônia representam a primeiras vez que soldados americanos estarão permanentemente localizadas no flanco leste da Otan. A medida é parte da resposta da aliança à invasão da Ucrânia pela Rússia.

Além das forças adicionais na Polônia, anunciadas pela Casa Branca em um comunicado à imprensa, os Estados Unidos também enviarão soldados para a região do Báltico, Reino Unido, Alemanha, Itália, Romênia e Espanha.

Biden disse na quarta-feira que, com esses soldados, a Otan estaria “pronta para ameaças em todas as direções”.

O anúncio da Casa Branca ocorre quando a Otan pretende dizer em sua cúpula anual em Madri nesta semana que vai aumentar as forças da aliança em “espera” (em caso de conflito) para 300.000, de acordo com Jens Stoltenberg, secretário-geral da Otan.

+ Turquia aprova entrada de Finlândia e Suécia à Otan

Atualmente, as forças de espera contam com 40.000 soldados.

O objetivo é aumentar o poder dissuasão sobre a Rússia, especialmente nos países mais próximos à nação e também a Belarus. Stoltenberg sustentou nos últimos meses que a aliança está espera evitar um confronto direto com a Rússia e, portanto, não enviaria soldados da Otan pa própria Ucrânia.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)