Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

‘Parte de nós’: a justificativa de quem foi ao cortejo de Elizabeth II

Sentimento expressa a comoção de grande parte dos britânicos

Por Carolina Barbosa, de Londres
Atualizado em 14 set 2022, 13h47 - Publicado em 14 set 2022, 13h42

Uma operação de guerra. A maior já montada no Reino Unido, envolvendo 10.000 agentes. A complexa logística equivale a um casamento real, uma maratona de Londres e mais tantos outros eventos de grande envergadura. Pousos e decolagens foram suspensos por determinado período para preservar o silêncio ao longo do cortejo à rainha Elizabeth II, nesta quarta-feira, 14.

+Para onde foi a multidão que não conseguiu seguir cortejo de Elizabeth II

Ainda assim os ingleses e milhares de pessoas de outras nacionalidades não se curvaram e tentaram de toda forma prestar uma última homenagem à monarca. Houve quem se deslocasse a pé ou encarasse uma via-Crúcis, com direito a duas horas de trem e um bate e volta no mesmo dia. Eis o caso das inglesas Julie Bryant, de 56 anos, uma professora universitária, e da sobrinha Chloe Roberts, de 20 anos, estudante, ambas radicadas em Portsmouth, uma cidade portuária do condado de Hampshire, na Inglaterra, ao sul, localizada a 2h de Londres.

xx
Julie Bryant e Chloe Roberts, tia e sobrinha, viajaram duas horas até Londres pra prestar homenagem. 14/09/2022 – (Carolina Barbosa/VEJA)

Ao verem no noticiário, na manhã desta quarta-feira magnitude da operação de velório e enterro, cujo término será só na próxima segunda-feira, 19, com direito a feriado nacional, as duas embarcaram no trem das nove rumo à capital. Munidas apenas com a bolsa tiracolo e três buquês de flores além das homenagens da família, terceirizaram a representação da função para amigos que são apoiadores da Família Real elas esperavam ir ao entorno do Palácio de Buckingham e deixar os ramalhetes. Com tudo fechado, acompanharam o itinerário pelo telão e, ao fim, dirigiram-se ao Green Park para cumprir a missão.

Continua após a publicidade
xxxx
Flores deixadas por família de Delaware, Estados Unidos, em homenagem à rainha Elizabeth II – (Carolina Barbosa/VEJA)

“A Família Real faz parte de nós e da nossa história. Entendemos a importância e a magnitude deste momento e não quisemos perder”, sintetizou Julie. “Mesmo sabendo que correríamos o risco de não conseguir sequer chegar perto do caixão”, completou.

xx
Flores deixadas no Green Park, em Londres, em homenagem à rainha Elizabeth II – (Carolina Barbosa/VEJA)

Para a jovem sobrinha, trata-se de um momento épico. “Não lembro da minha vida sem a existência da rainha. Então, quisemos vir e expressar nossa gratidão, respeito e condolência. É um momento único e muito emocionante para nós, ingleses”, testemunhou.

Continua após a publicidade

+ Polícia de Londres estima filas de 35 horas em funeral de Elizabeth II

Com mais tempo de estrada, a tia resumiu o sentimento de grande parte dos britânicos.

“Para nós, a monarquia é uma tradição que atravessa séculos e séculos de história e diversas gerações. Temos muito orgulho da rainha. Ela era o símbolo do nosso país. Cumpriu seu papel brilhantemente, dedicando toda a vida ao seu dever e ao nosso povo. Por toda a eternidade, sempre será muito importante para todos nós”, arrematou, mostrando o cartão escrito junto aos botões florais coloridos.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.