Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Paraguai recebe 500 motoqueiros sul-americanos e suas Harley Davidson

Assunção, 4 mai (EFE).- Quinhentos motociclistas de vários países da América do Sul fizeram roncar o motor de suas Harley Davidson nesta sexta-feira no Paraguai, onde se concentraram para seu encontro internacional.

Os amantes destas motos de alta cilindrada, reunidos de 3 a 5 de maio, se concentraram nesta sexta-feira diante de um hotel de Assunção para depois seguir em caravana à cidade turística de San Bernardino, a 45 quilômetros da capital paraguaia.

No caminho, os motociclistas fizeram uma parada na praça principal do município de Luque, a 15 quilômetros de Assunção, onde as autoridades municipais ofereceram hospedagem aos visitantes.

Os amantes dessas máquinas, que custam entre US$ 14 mil e US$ 50 mil no Paraguai, aproveitaram para tirar fotografias perante suas motocicletas, algumas delas personalizadas.

Motoqueiros de Brasil, Argentina, Bolívia Chile, Peru e Uruguai se somaram à concentração de seus irmãos paraguaios.

O brasileiro Franciello Klidizio, que participa da reunião no Paraguai pelo quarto ano consecutivo, expressou à Agência Efe sua alegria pela grande quantidade de motoqueiros.

Klidizio detalhou que 17 brasileiros participaram do encontro, provenientes de cidades como Rio de Janeiro e São Paulo, após mais de 18 horas na estrada até chegar a Assunção.

‘Para nós, é como estar em família. Temos uma Harley, que amamos, e nos encontramos em clubes e compartilhamos (esse sentimento) com os demais’, declarou.

Nesta sexta-feira, os motoqueiros, que um dia antes haviam sido recebidos com um jantar de boas-vindas em Assunção, almoçaram e participaram de uma festa no Clube Náutico San Bernardino, de onde retornaram à capital paraguaia para uma exposição na única loja oficial da Harley Davidson na cidade.

Os motociclistas, que também devem assistir a festas temáticas neste sábado, retornarão a seus países no próximo domingo. EFE