Clique e assine com até 92% de desconto

Papa Francisco pede coragem para edificar Igreja

Novo pontífice destacou que construção da Igreja deve ocorrer sobre a pedra fundamental que é Cristo

Por Da Redação 14 mar 2013, 13h49

Em uma missa a cardeais nesta quinta-feira, na Capela Sistina, o papa Francisco pediu coragem para edificar a Igreja. “Depois desses dias de graça, espero que tenhamos a coragem para andar na presença do Senhor, com a cruz do Senhor, e reconstruir Sua Igreja”.

“Construímos a igreja sobre a pedra fundamental que é Cristo”, disse o novo pontífice, exemplificando que, quando não há uma base sólida, a construção é como um castelo de areia, que não se sustenta.

Leia mais:

Leia mais: “Deus os perdoe pelo que fizeram”, diz papa a cardeais

Ele também falou sobre as dificuldades encontradas ao longo da jornada, ressaltando que “às vezes, há tremores, movimentos que nos puxam para trás”. Acrescentou, no entanto, que não se deve parar. “Quando nós paramos, algo está errado. Sigam em frente na presença do Senhor, na luz do Senhor”, informou o jornal inglês The Guardian.

A missa teve três leituras. Além do caminhar e edificar, o confessar. “Nós podemos caminhar o quanto quisermos, podemos construir muitas coisas, mas se não confessamos Jesus Cristo, não vamos a lugar nenhum”, disse. “Tornamo-nos uma ONG piedosa, mas não a Igreja”.

Agenda – O novo pontífice iniciou seu primeiro dia de papado com orações na basílica de Santa Maria Maior, em Roma. Também visitou uma escola e foi à residência clerical onde ficou hospedado antes do início do conclave que o elegeu. Seu objetivo era pegar sua bagagem e pagar a conta.

Também nesta quinta, papa Francisco deverá iniciar o processo de nomeação dos integrantes da equipe que o acompanhará no Vaticano.

Continua após a publicidade
Publicidade