Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Ofensiva do regime após atentado mata mais de 60 pessoas na Síria

Cairo, 18 jul (EFE).- A oposição síria denunciou nesta quarta-feira a morte de mais de 60 pessoas em bombardeios e ataques das forças do regime, que sofreu o maior golpe desde o início da revolta com o atentado realizado hoje em Damasco.

Segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos, pelo menos 62 civis e rebeldes (20 deles na capital) perderam a vida. Os Comitês de Coordenação Local (CCL) elevaram este número para 92 pessoas.

O atentado realizado hoje em Damasco pelos rebeldes matou três integrantes do alto escalão do governo de Bashar al Assad. EFE